quarta-feira, 1 de outubro de 2014

O SOLO "A RECEITA" CONTINUA SUA TEMPORADA NO ESPAÇO O POSTE !


SEJA BEM –VINDO!
É com imenso prazer que compartilho  o meu caderno de receitas íntimas com vocês, após abandonar-me por completo numa relação a primeira vista insossa e que foi tornando-se amarga a medida que o anos avançavam...(mulher anônima, 48 anos).

Essa é A RECEITA!
O texto é de Samuel Santos  e faz parte da série DESATINOS, uma reunião de textos que possuem  personagens em situação de total disparate e devaneio, os textos tratam de temas como morte, violência, loucura e a intolerância de uma maneira peculiar explorando vários pontos de vista, abordando suas inexoráveis naturezas  revelando   uma dramaturgia atual, antenada com  questões no seu processo limite.
  A RECEITA  é uma obra  tragicómica e descreve um universo feminino e particular. Naná Sodré encarna uma mulher anônima e invisível de aproximadamente 48 anos que  vive em situação de total abandono e dependência emocional, casada e com filhos a personagem passa a maior parte do tempo na cozinha tentando temperar suas ilusões e seus inúmeros cenários imaginários com sal, alho e coentro com cebolinha.... A personagem, assim como as pessoas comuns, se deixa cair em situações que levam ao trágico. O espetáculo funciona como um espelho, no qual muitas vezes  vemos refletir nossas atitudes e a partir daí refletimos sobre os comportamos mediante aos momentos desatinados.
RECEITA teve seu início em Brasília no VI Masters-in-Residence com EUGENIO BARBA e JULIA VARLEY-EDIÇÃO COMEMORATIVA -  O Diálogo das Técnicas 2013, e lá foi apresentada em formato reduzido(5min.) e exercitada a partir das observações do diretor Eugênio Barba e da atriz Julia Varley. Fundamentada num processo autônomo A RECEITA teve sua continuidade em Recife com o Apoio do Edital de Ocupação do Teatro Joaquim Cardozo/UFPE, no  período de maio a julho de 2014 , o texto e a direção são de Samuel Santos.
A escolha para a montagem do texto  “A RECEITA”  surgiu pela possibilidade de dar continuidade a um trabalho iniciado em dezembro de 2013 no evento chamado   A ARTE SECRETA DO ATOR – BRASIL –  na cidade de Brasília, onde a atriz Naná Sodré participou da IV Masters-in-Residence com  EUGENIO BARBA e JULIA VARLEY do grupo dinamarquês ODIN TEATRET, um evento que reuniu mais de vinte atores, diretores, pesquisadores e acadêmicos brasileiros e latino-americanos que buscam apuro, reciclagem e intimidade com os princípios e origens de um teatro para causar interesse e renovar o ofício. E nesse encontro intitulado   O Diálogo das Técnicas, um trecho do texto “ A RECEITA”  -uma cena de 5min- foi apresentado. A referida apresentação  contou com a construção de ações físicas  e partituras condizentes com a dramaturgia escrita por Samuel Santos e a dramaturgia corporal da atriz Naná Sodré.
Durante uma semana (98 horas)  a pequena cena  e suas partituras e sub partituras corporais e vocais ,sofreram interferências diretas das técnicas de encenação de Eugênio e Julia, indicações que possibilitaram mudanças em vários níveis e elementos da cena , um verdadeiro exercício de autonomia e de entendimento das ações físicas tão primordiais ao teatro desenvolvido pelo grupo Odin a mais de 40 anos e tão presentes no Teatro Antropológico defendido por Eugênio Barba , o teatro que   investiga o homem em estado de representação. 
Investigação essa condizente também com a linha de pensamento da atriz Naná Sodré  e do  grupo  O Poste Soluções Luminosas, que nas suas encenações além das questões voltadas a ancestralidade africana construindo um caminho possível para o resgate, para as raízes que historicamente foram e  são  negadas nas questões da cor da pele, na musicalidade, na religião e no vestuário, encarando o teatro como um campo possível para aproximação dos povos e para reflexão, também focam seus trabalhos corporais em dois pilares: os exercícios desenvolvidos por Michael Chekhov e os princípios da biomecânica.   Portanto montar esse texto representa a continuidade de uma  prática referendada por pessoas de grande importância no  universo do teatro e também a possibilidade de mais uma vez partilhar as práticas do grupo O Poste  com o público, com a possibilidade de produzir e montar o texto  na integra exercitando as técnicas e elaborando os elementos da encenação.    
     
           Faz-se importante ressaltar a importância do resgate, valorização e de se manter sempre viva e acesa as conexões culturais existente no Brasil, oportunizando o público a passagem por várias realidades sociais  a assistir um espetáculo que fale dos limites  com tamanha seriedade e profundidade de uma forma poética. É também um trabalho de conscientização a respeito das ações físicas e orgânicas, representando verdades, ilusões, sonhos dentre muitos outros sentimentos e estados que  A RECEITA  nos arremete de forma intensa e verdadeira.

   O ESPAÇO O POSTE
Da necessidade de realizar suas pesquisas, treinamento, formação e apresentação de seus espetáculos o grupo vem há quatro anos na busca de um espaço cultural na cidade, onde não só servisse ao grupo mais também a outros artistas. ESPAÇO O POSTE, esse é o nome do  teatro de bolso com capacidade para 60 pessoas ,está localizado na rua da Aurora, 529, em frente ao rio Capibaribe. O espaço é de caráter alternativo, sem palco fixo - um dos pontos caraterísticos do ambiente  pois coloca o artista e o espectador no mesmo plano – e todo revestido com madeira e materiais alternativos como  Paletes que  são utilizados nas paredes e em forma de acentos com acolchoamento, criando um ambiente aconchegante e próprio para uma boa acústica. O espaço possui iluminação cênica, mas como a característica do local é  fugir da caixa cênica tradicional, não possui coxias e os objetos de cena e cenários serão manuseados pelos próprios artistas, pois o espaço não possui urdimento. Esse formato torna qualquer obra encenada no espaço bem intima, conectado a obra de arte e a plateia.

FICHA TÉCNICA

Direção, dramaturgia, encenação e figurino: Samuel Santos
Atuação, maquiagem e efeitos sonoros: Naná Sodré
Sonoplastia: Marcelo Trigo
Plano luz, operação de luz e sonoplastia: O Poste Soluções Luminosas
Técnica de rolamento: Mestre Sifu Manoel Francisco
Fotografia: Fernando Azevedo
Programação visual e designer gráfico: Inaldo Lima
Apoio cultural: Teatro Joaquim Cardozo – UFPE (Edital de Cultura)
Produção: grupo O Poste Soluções Luminosas 

SERVIÇO

Espetáculo: A Receita
Local: Espaço O Poste - Rua da Aurora,n.529 (esquina com Princesa Isabel)
Quando: Sábados ( 04,11,18,25) de outubro de 2014
Horário: 20h 

                                                BOM APETITE & VOLTE SEMPRE!